Marido de Caroline Bittencourt será indiciado por homicídio culposo

  • 07/05/2019
  • 0 Comentário(s)

Marido de Caroline Bittencourt será indiciado por homicídio culposo

A Polícia Civil informou, no início desta segunda-feira (6), que indiciará o empresário por homicídio culposo (quando não há intenção de matar)

Após Jorge Sestini sofrer um acidente durante passeio de barco junto a sua esposa, a modelo e apresentadora Carol Bittencourt, que não conseguiu se salvar após cair da embarcação durante o vendaval que atingiu Ilhabela no último dia 28; A Polícia Civil informou, no início desta segunda-feira (6), que indiciará o empresário por homicídio culposo (quando não há a intenção de matar). O delegado responsável pelo inquérito, Vanderlei Pagliarini, decidiu indiciá-lo após ouvir o dono da marina de onde a embarcação do casal partiu. Também foi ouvido o marinho que resgatou o empresário. 

Segundo o inquérito, mesmo advertido sobre o mau tempo, jorge lançou-se ao mar. Havendo, assim, 'negligência'.

Na sexta-feira (26), Jorge foi orientado para ficar atento às mudanças climáticas, pois estava previsto um vento a noroeste entre sábado e domingo. Segundo depoimento dado a polícia, essa conversa teria ocorrido antes do casal partir. No domingo, dia do acidente, o dono da marina contou que recebeu alertas de mudança nas condições climáticas e encaminhou aos clientes da marina, entre eles Sestini.

No último contato com o marido da modelo, às 15h44, ele recebeu uma mensagem de áudio pelo WhatsApp em que Jorge agradeceu o aviso e disse que já estava no canal entre São Sebastião e Ilhabela. O empresário afirmou que tinha retorno previsto para às 17h30. Às 17h15, Oliveira tentou novo contato com o casal para que, se ainda estivessem no canal, não tentassem a travessia porque as condições no tempo eram críticas, que era melhor aguardar até o dia seguinte, 29 de abril.

"Sabedor do mau tempo que assolava naquele momento a região, especialmente para quem se encontrava a bordo de embarcações de pequeno porte, expressamente advertido a esse respeito, resolveu por lançar-se ao mar, não providenciando ao menos que a vítima utilizasse um colete salva-vidas, como lhe competia, negligência indiscutível que remete aos fundamentos dos delitos culposos", afirma o delegado.

O pedido de indiciamento foi enviado para a polícia de São Paulo. "Enviamos um questionário elaborado com perguntas para ele responder. Quando comparecer a delegacia, ele irá ser indiciado formalmente", informou Pagliarini.

0 Comentários


Deixe seu comentário


Aplicativos


Locutor no Ar

AutoDJ

Programação automática

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!


Top 5

top1
1. Kemilly Santos e Damares

A promessa

top2
2. Davi Sacer part. Simone

Deus de Promessas

top3
3. Aline Barros

Casa do pai

top4
4. Anderson Freire

Acalma o meu coração

top5
5. Leandro Borges

Deus e Eu

Anunciantes